Crianças

Crianças refugiadas são acima de tudo sobreviventes, cada uma com uma história notável sobre resiliência em face de uma grande perda

A única coisa que todas elas compartilham, é um começo muito difícil de suas vidas, uma vulnerabilidade dilacerante. Elas já conhecem fome, caos, destruição, violência, solidão, morte e elas tiveram que lutar muito para sobreviver. Mas quando elas tem uma chance, crescem fortes e crescem mais fortes que a maioria.

Elas lutaram contra desafios inacreditáveis, e sobrevivem incorporando o melhor que nosso mundo pode alcançar. São impetuosas, vibrantes, fortes e estão prontas para viver. Saíram do mais absoluto desespero e são capazes de sorrir e ir frente.

Nós moldamos nosso futuro pela forma com que criamos nossas crianças e as crianças refugiadas são as crianças do mundo.


Voluntários
Close